Casal filma fantasma de homem que morreu enforcado há mais de cem anos

199

Um caçador de fantasmas afirma que fez imagens arrepiantes do último homem que foi enforcado numa prisão da Cornualha, na Grã-Bretanha. A aparência misteriosa foi capturada pela câmera de Tony Ferguson, no antigo presídio Bodmin.

Ele decidiu visitar a notória prisão junto com sua esposa, Bev. Lá foi o local onde alguns dos piores criminosos do Reino Unido foram executados.

Depois de terem a certeza de que eram os únicos visitantes na famosa atração, o casal diz que capturou muitos incidentes sobrenaturais. Estes incluíam fenômenos de vozes, ruídos e estranhos feixes de luz que voavam ao redor dos quartos.

Mas Tony, que mora em Southampton, disse que o momento mais assustador foi quando as luzes ficaram completamente brancas antes do que parece ser a figura de um fantasma aparecendo num corredor vazio (ver filme abaixo).

O britânico, de 32 anos, acredita que a “aparição” capturada pode ser a de William Hampton, o último homem a ser enforcado naquela prisão, pois ele chamou seu nome alguns segundos antes de o fantasma aparecer.

“Nós tivemos arranhões, pancadas, vozes, ruídos estranhos, sombras, névoas, luzes fortes e, o melhor de tudo, um fantasma. Isso tudo faz sentido com aquela que é a prisão mais assombrada do Reino Unido. E teve mais algumas coisas loucas acontecendo”, conta Tony.

Quem foi William Hampton?

William Hampton, de São Erth, foi condenado por homicídio no tribunal de Bodmin em 24 de junho de 1909 e foi condenado à morte. Um mês antes, o jovem de 24 anos estrangulou sua namorada, Emily Tredea, 16, na aldeia de Vicarage Row.

De acordo com o site British Executions, o homem conheceu o adolescente na Cornualha depois de trabalhar vários anos na América. Eles ficaram noivos em 1908, mas, alguns meses depois, Emily desistiu do casamento e ele a matou dentro da casa dela, na frente de seus familiares.

O assassino entregou-se à polícia depois de fugir da cena. Ele foi executado em 20 de julho de 1909 e tornou-se a última pessoa da Cornualha a ser enforcada. No total, entre 1735, quando a prisão abriu, e 1909, 60 pessoas, incluindo oito mulheres, foram executadas na prisão de Bodmin.

Ele fechou completamente no início do século 20 e os edifícios foram vendidos em 1929.

LEIA MAIS:  Ronaldo fala sobre fim de carreira de Adriano Imperador, veja!